terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Terremotos causam afundamento do solo em larga escala no Japão



Por Uehara Yuu
Fonte:NHK World Press All Rights Reserved


O Ministério do Meio Ambiente do Japão afirmou que quase 6 mil quilômetros quadrados de solo em todo o país afundaram em mais de 2 centímetros no último ano fiscal.

Esse número é cerca de mil vezes superior em comparação ao ano fiscal de 2010, que terminou em março do ano seguinte, e o maior desde que levantamentos nesse sentido passaram a ser feitos em 1978.

Organizações municipais que extraem água subterrânea medem o afundamento do solo regularmente.

Foi registrado um afundamento superior a 2 centímetros em quase metade das 30 áreas averiguadas em 20 províncias. Considera-se que esse nível tenha um possível impacto sobre a estabilidade dos edifícios.

Segundo o Ministério do Meio Ambiente, a cidade de Kesennuma, na província de Miyagi, registrou o maior afundamento, com 73,8 centímetros. A cidade de Ichikawa, na província de Chiba, ficou em segundo lugar, com 30,9 centímetros.

Sete áreas registraram afundamento do solo superior a 10 centímetros. Elas se concentram na região de Tohoku, no nordeste do país, e em Kanto, que inclui Tóquio.

Funcionários do ministério afirmam que o afundamento é atribuído ao terremoto ocorrido em 11 de março do ano passado. Eles manifestaram preocupação quanto à ampliação do afundamento do solo e mais danos a edifícios.

5 comentários:

  1. um país tão legal, mas que leva muito azar nesse sentido.

    ResponderExcluir
  2. Vi uma reportagem uma vez sobre os edifícios que são feitos para aguentar terremotos no japão muito interessante.

    ResponderExcluir

Leia antes de comentar. Não seram postados comentários de baixo calão,racista ou piadinhas sem sal. Sei que você é capaz de fazer um comentário de qualidade.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...