cresce demanda por brasileiros

Empresas japonesas estão investindo ativamente no Brasil, e a tendência é de que essas firmas contratem brasileiros que moram no Japão

ke kawaii

Nova seção do nippo press atualizada semanalmente

Seção mulher

Dicas de saude, moda,comportamento e beleza da mulher.

Fofocas

Fofocas das celebridades

nossa mini loja virtual

Nossa mini loja virtual em parceria com ML.

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

O Japão arrebatou mais quatro medalhas no 7º dia dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. A nadadora Rie Kaneto levou o ouro nos 200m peito, enquanto o nadador Kosuke Hagino conquistou a prata nos 200m medley. O mesatenista Jun Mizutani ficou com o bronze e se tornou o primeiro japonês a conquistar uma medalha olímpica numa competição individual do tênis de mesa. Por fim, o judoca Ryunosuke Haga conquistou o bronze na categoria até 100kg.


O Japão arrebatou mais quatro medalhas no 7º dia dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.
A nadadora Rie Kaneto levou o ouro nos 200m peito, enquanto o nadador Kosuke Hagino conquistou a prata nos 200m medley.
O mesatenista Jun Mizutani ficou com o bronze e se tornou o primeiro japonês a conquistar uma medalha olímpica numa competição individual do tênis de mesa.
Por fim, o judoca Ryunosuke Haga conquistou o bronze na categoria até 100kg.
fonte: NHK

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Novo filme de Godzilla destrói recorde de bilheteria no Japão




Godzilla estabeleceu um novo recorde de bilheteria no Japão.
Com o lançamento do mais novo filme da série, intitulado “Shin Godzilla”, o total de vendas de ingressos para todos os filmes do lendário monstro ultrapassou a marca dos 100 milhões de bilhetes.
Godzilla apareceu pela primeira vez nas telas do cinema em 1954. O público total dos 28 filmes anteriores produzidos no Japão somava 99 milhões e 290 mil pessoas.
Fonte: NHK World

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Mais de 40 foram esfaqueados em menos de 1 hora no ataque a centro para deficientes no Japão



O suspeito de ter cometido o pior assassinato em massa no Japão do pós-guerra provavelmente atacou mais de 40 pessoas com deficiência em menos de uma hora.
Segundo a polícia, Satoshi Uematsu, de 26 anos, invadiu o centro para deficientes Tsukui Yamayuri-en, na cidade de Sagamihara, a oeste de Tóquio, pouco depois das 2h de terça-feira, e esfaqueou metodicamente os moradores.
Dezenove pessoas morreram e 26 ficaram feridas.
A polícia prendeu o suspeito depois que ele se entregou no mesmo dia. Uematsu era ex-funcionário do Tsukui Yamayuri-en e morava nas proximidades do local.
Ele teria dito à polícia que queria que todas as pessoas com deficiências múltiplas desaparecessem.
Segundo fontes da polícia e do centro para deficientes, o suspeito quebrou a vidraça de uma janela para invadir o local e esfaqueou as vítimas que dormiam em dois prédios diferentes.
Imagens de câmeras de segurança mostram o suspeito saindo de um dos prédios por volta das 2h47.
A polícia também averiguou que, no momento do crime, um cuidador enviou um pedido de socorro para um colega que estava de folga por meio de um aplicativo de mensagens grátis.
O colega telefonou para o funcionário, que disse apenas que algo terrível estava acontecendo, antes de desligar. A polícia, então, foi alertada sobre a situação.
Fonte: NHK

sexta-feira, 1 de julho de 2016

Líder norte-coreano se encontra com delegação cubana

Featured Image

Fonte: Nhk
O líder norte-coreano, Kim Jong Un, se encontrou com uma delegação de Cuba e reconfirmou os laços amistosos entre os dois países.
O jornal oficial do governista Partido dos Trabalhadores da Coreia, o Rodong Sinmum, relatou na sexta-feira que Kim manteve conversações em Pyongyang, na quinta-feira, com a delegação cubana liderada pelo vice-presidente Salvador Valdés Mesa.
O jornal citou Kim dizendo estar confiante de que a amizade bilateral e a cooperação vão se desenvolver ainda mais.
Valdés Mesa respondeu que Cuba estabeleceu uma política de contínuo desenvolvimento das relações bilaterais com a Coreia do Norte.
Esta é a primeira vez desde outubro passado que Kim se encontra com funcionário de alto escalão do exterior.
Analistas afirmam que Kim se encontrou com a delegação para ressaltar que os laços de seu país com Cuba são importantes. Eles também disseram que a Coreia do Norte deseja evitar que seu vizinho do sul estreite relações com Cuba.
A Coreia do Sul enviou seu chanceler à capital cubana, Havana, em junho, pela primeira vez desde que o país rompeu os laços com a nação do Caribe em seguida à Revolução Cubana.

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Okinawa tem novo protesto contra presença militar dos EUA



Militares norte-americanos cometeram mais de 5.900 crimes nas Ilhas Okinawa desde 1972, quando os territórios foram devolvidos ao Japão, informa a agência de notícias do país Kyodo, referindo-se à resolução adotada na véspera por participantes de uma manifestação popular contra a presença norte-americana na região.
Dezenas de milhares de pessoas na ilha japonesa de Okinawa protestaram neste domingo contra a presença de bases militares norte-americanas na localidade. Muitos dos manifestantes estavam vestindo preto, para lamentar o estupro e o assassinato de uma moradora local. O  autor do crime é um oficail americano.
O grupo pediu uma revisão do acordo de segurança entre Estados Unidos e Japão, que sobrecarrega Okinawa com a hospedagem da maior parte das tropas americanas no país asiático. Outro tema abordado foi um plano para realocar uma estação do Corpo de Fuzileiros Navais a uma parte da ilha que é menos povoada. Esse projeto de deslocamento surgiu depois que a revolta pública entrou em erupção em 1995, após o estupro de uma menina por três recrutas americanos.
A morte de uma moradora local, que ficou desaparecida por várias semanas e teve seu corpo encontrado no mês passado, desencadeou indignação em Okinawa. Um ex-fuzileiro naval americano foi preso em 19 de maio por suspeita de abandonar o corpo da mulher, mas ainda não foi acusado de matá-la.
O governador de Okinawa, Takeshi Onaga, disse à multidão que participava do protesto que gostaria de pedir desculpas para a mulher por falhar em protegê-la.
Cerca de 65 mil pessoas participaram da manifestação, segundo a agência Kyodo News. O governo do primeiro-ministro Shinzo Abe está por trás do acordo de segurança com os EUA e deseja que o Japão assuma um papel militar maior no cenário internacional. Mas aqueles que estavam no protesto disseram que queriam um Japão mais voltado à paz.
Okinawa representa apenas 0,6% do território do Japão, mas a província abriga 74% da infraestrutura militar dos Estados Unidos e mais de metade das Forças Armadas norte-americanas no Japão. De acordo com a prefeitura das ilhas, Okinawa tem 25,8 mil militares dos EUA.

quinta-feira, 9 de junho de 2016

Novo elemento químico criado por pesquisadores japoneses poderá se chamar “nihonium”



Um pesquisador japonês disse estar entusiasmado que o “nihonium” tenha sido endossado como o nome de um novo elemento químico criado por seu grupo.
O professor Kosuke Morita, da Universidade de Kyushu, liderou uma equipe do instituto japonês Riken responsável pela criação do “nihonium”.
Em conversa com a imprensa, na quinta-feira, Morita disse que soube, no dia anterior, que a União Internacional de Química Pura e Aplicada (IUPAC, na sigla em inglês) havia endossado o nome proposto por sua equipe. A organização é responsável pela tabela periódica.
O professor afirmou que a ciência fundamental não é algo capaz de ser imediatamente útil para a vida das pessoas. No entanto, ele disse que sentia uma enorme alegria com a possibilidade de que um elemento químico e um nome criados por um grupo japonês sejam acrescentados à tabela periódica.
O “nihonium” foi criado há doze anos. Em dezembro do ano passado, a IUPAC reconheceu o elemento 113 como um novo elemento sintético e concedeu o direito de batizá-lo aos cientistas japoneses.
O “nihonium” e o símbolo químico “Nh” serão oficialmente acrescentados à tabela periódica após o nome ter sido avaliado pelo público em um processo com cinco meses de duração.
Fonte: NHK

sexta-feira, 3 de junho de 2016

Governo japonês irá ampliar medidas contra crimes em Okinawa


Fonte: NhkWorld
O governo japonês irá intensificar medidas contra crimes em Okinawa, em seguida à recente prisão de um funcionário de base americana, suspeito de ter abandonado o corpo de uma mulher que vivia na região .
Uma equipe do governo, incluindo funcionários de alto escalão do departamento policial e autoridades ministeriais, decidiu nesta sexta feira 3 de junho a aumentar o número de policiais em cerca de 100 e mobilizar 20 carros de patrulha adicionais. Policiais aposentados serão organizados em unidades, que irão utilizar aproximadamente 100 carros de patrulha.
O governo irá oferecer subsídios a municipalidades para instalar luzes de segurança e câmeras de vigilância.
Um painel também será criado para discutir métodos de prevenção de crimes.
O secretário-chefe do gabinete, Yoshihide Suga, disse que os pontos principais do plano são o fortalecimento do sistema de patrulha e a criação de um ambiente seguro.

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Inscrições abertas para o 10º Concurso Internacional de Mangá; veja informações




O Ministério dos Negócios Estrangeiros do Japão e a Fundação Japão anunciam a realização do 10º Prêmio Internacional de Manga, segundo divulgação do site do Consulado do Japão no Brasil.
INFORMAÇÕES GERAIS:
Período de Inscrição: 01 de abril (sexta-feira) a 17 de junho de 2016 (sexta-feira) – obra e formulário de inscrição deverão chegar impreterivelmente até esta data.
Os Mangás a serem inscritos deverão ser encaminhados à representação diplomática japonesa (consulados ou embaixada, excluindo-se escritórios representativos) ou diretamente à caixa postal da Comissão Executiva do 10º Prêmio Internacional de Mangá.
Publicação do resultado: entre final do ano de 2016 e janeiro de 2017
Cerimônia de Premiação: Fevereiro de 2017 (previsão)
Acesse o site para maiores informações sobre Prêmio Internacional de Manga


HISTÓRICO:
O Prêmio Internacional de Mangá foi criado em maio de 2007 por iniciativa do então Ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão, Taro Aso, tendo por finalidade o reconhecimento de artistas de Mangá que vêm contribuindo na divulgação da cultura do Mangá em todo o mundo, bem como na promoção do intercâmbio cultural internacional através do Mangá. Desde a sua criação, o Prêmio tem sido realizado todos os anos.

PREMIAÇÃO:
Dentre as obras de mangá inscritas, aquela que for avaliada como o MELHOR MANGÁ, será premiado com o Gold Award. Outras três obras que se destacarem serão premiadas com o Silver Award. Os premiados serão convidados pela Fundação Japão a viajarem ao Japão para participarem da Cerimônia de Premiação. Além disso, estão previstos encontros com artistas de Mangá para troca de ideias e visitas a editoras.
Para maiores informações:
Divisão de Assuntos Culturais e de Relações Públicas no Exterior, do Ministério de Negócios Estrangeiros do Japão. Tel.: 00-XX(cód. operadora)-81-3-5501-800081-3-5501-8000 (ext.3453).
Veja também o regulamento completo no site do Consulado japonês

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...